Relicário com gravuras de Moisés

A descoberta de um relicário histórico na cidade de Irschen, no sul da Áustria, está intrigando arqueólogos da Universidade de Innsbruck. Encontrado dentro de uma antiga igreja cristã primitiva, o relicário de mármore, datado de cerca de 1.500 anos, contém peças que incluem gravuras dos Dez Mandamentos atribuídos a Moisés.

Irschen tem sido alvo de escavações desde 2016, revelando um assentamento da Antiguidade Tardia e duas igrejas cristãs, além de artefatos pessoais dos antigos habitantes. A descoberta do relicário sob um altar sugere um possível contexto de abandono durante o período histórico, após a batalha de Aguntum em 610 d.C.

O relicário, adornado com símbolos cristãos, é único na Áustria e uma das poucas descobertas desse tipo em contextos arqueológicos. Especialistas indicam que sua preservação é delicada devido à absorção de umidade pelo marfim, que compõe algumas partes do artefato.

Ulrike Töchterle, diretora de restauração da Universidade de Innsbruck, explicou que estudos estão em andamento para determinar a origem dos materiais, incluindo análises de isótopos estáveis do marfim e investigações sobre os componentes metálicos do relicário.

A descoberta não apenas enriquece o entendimento arqueológico da região, mas também lança luz sobre práticas religiosas e culturais da época, capturadas de maneira visual e simbólica nas gravuras encontradas.

Share this post

PinIt

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    scroll to top
    Instagram
    Tiktok
    YouTube
    YouTube