Gravadoras se pronunciam sobre máfia de robôs do Spotify

Após denúncias sobre uma suposta máfia de robôs no Spotify, as maiores gravadoras do país estão se posicionando sobre o assunto. Após a Sony Music, a Som Livre também enviou uma nota à nossa reportagem, em nome do presidente da empresa, Marcelo Soares, expressando preocupação com a situação que considera “insustentável”.

Soares destacou que a equipe da Som Livre tem observado a persistência de playlists que aparentemente não são orgânicas, mesmo quando as músicas nelas apresentam reproduções que não condizem com seu alcance real. Ele ressaltou a importância de expor essa questão ao público e incentivou os artistas a se pronunciarem sobre o caso, citando o exemplo de Zé Neto e Cristiano.

A nota também lembrou o pronunciamento do Spotify, que afirmou estar investindo em soluções para resolver o problema, inclusive podendo punir as gravadoras envolvidas.

Segue a nota na íntegra:

“É difícil negar que haja atividades suspeitas alavancando músicas nas principais plataformas de streaming. O que vemos é que a grande maioria dos streams com movimentos pouco naturais parece vir de playlists que têm espaços comercializados abertamente. Playlists assim estão no ar há muito tempo e continuam ativas até hoje. Já vimos artistas serem penalizados por terem uma música em uma playlist que de fato parece não ser totalmente orgânica, mas a playlist segue no ar, o que é difícil de entender.

Ninguém gosta de falar muito por receio de algum tipo de reação negativa, mas chegamos em um ponto insustentável, prejudicial para todo o mercado. Fico feliz de ver essa discussão aberta com depoimentos de artistas como Zé Neto e Cristiano, e o posicionamento do Spotify se mostrando comprometido em buscar uma solução, mas é necessário um olhar mais atento às playlists com movimentos artificiais.”

A repercussão dessas denúncias continua a gerar debates no setor da música e entre os usuários das plataformas de streaming, enquanto se aguarda por medidas concretas para resolver a questão da máfia de robôs.

Share this post

PinIt

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    scroll to top
    Instagram
    Tiktok
    YouTube
    YouTube