Embratur Revoga Nomeações de Embaixadores

A Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur) revogou as nomeações de embaixadores do turismo brasileiro, escolhidos durante o governo de Jair Bolsonaro. Entre os ex-embaixadores estão os ex-jogadores Daniel Alves e Ronaldinho Gaúcho, além de outras personalidades. O programa tinha 15 embaixadores, todos homens. A revogação dos títulos faz parte de um esforço para alinhar os embaixadores com a atual imagem do Brasil no exterior. A Embratur planeja nomear novos embaixadores ainda neste ano.

Durante a gestão de Bolsonaro, os embaixadores do turismo eram:

  1. Álvaro Garnero, empresário
  2. Amado Batista, cantor
  3. Bruno & Marrone, cantores
  4. Carlos Massa (Ratinho), apresentador
  5. Daniel Alves, ex-jogador
  6. Frederico Lapenda, produtor de filmes
  7. Pedro Scooby, surfista
  8. Renzo Gracie, lutador
  9. Richard Rasmussen, biólogo
  10. Roberto de Assis, empresário
  11. Romero Britto, pintor
  12. Ronaldinho Gaúcho, ex-jogador
  13. Vitor Belfort, lutador
  14. Zezé Di Camargo, cantor

A Embratur agradeceu os “relevantes serviços prestados” pelos ex-embaixadores na promoção dos destinos turísticos do Brasil e pretende começar a nomear novos embaixadores em breve. O programa “Embaixador Honorífico do Turismo Brasileiro” foi criado para promover o turismo do país internacionalmente por meio da divulgação de produtos, serviços e destinos turísticos brasileiros.

Share this post

PinIt

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    scroll to top
    Instagram
    Tiktok
    YouTube
    YouTube