É necessário Haver Punição diz Roberto Carlos

O lendário ex-jogador brasileiro, Roberto Carlos, compartilhou, nesta terça-feira (14), sua experiência pessoal com insultos racistas no futebol, semelhantes aos enfrentados por Vinícius Júnior. Durante a Web Summit, onde discutiu a plataforma Striver, que visa combater o racismo nas redes sociais, ele enfatizou que as federações, FIFA e UEFA são cruciais para resolver o problema.

“Já passei pela mesma situação (do Vinícius) quando jogava em alguns estádios, onde vivi insultos e atos de racismo. Temos que ser muito inteligentes. Nós, jogadores, não podemos resolver nada. Quem tem de resolver é a FIFA, UEFA e as federações de cada país. Se há racismo, tem de haver punição”, afirmou Roberto Carlos.

A Striver, segundo o ex-jogador, visa criar um ambiente seguro nas redes sociais, destacando a importância de ferramentas para proteger os jogadores modernos. Ele enfatizou que, embora na sua época não houvesse tanta presença nas redes sociais, hoje é crucial ter as ferramentas necessárias para proteção.

Vinícius Júnior, do Real Madrid, tem enfrentado insultos racistas, levando autoridades brasileiras e espanholas a buscar estratégias conjuntas contra o problema. O Alto Comissário da ONU para os Direitos Humanos instou organizadores esportivos a implementarem estratégias antirracismo.

Outro ex-jogador brasileiro, Gilberto Silva, também admitiu ter vivido momentos de racismo e defendeu a postura de não dar voz aos agressores. A plataforma Striver, criada por jogadores para os torcedores, está sendo bem recebida, com contatos estabelecidos com clubes da Premier League

Share this post

PinIt

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    scroll to top
    Instagram
    Tiktok
    YouTube
    YouTube